Freada por paraquedas, cápsula espacial Dragon retorna à Terra


A cápsula espacial Dragon retornou à Terra nesta quinta-feira, após permanecer seis dias atracada à Estação Espacial Internacional. O pouso ocorreu no oceano Pacífico de acordo com o planejado, a 800 km da costa do sudoeste da Califórnia.

Cápsula Dragon antes de ser resgatada no oceano Pacífico.

A Dragon se separou da ISS às 06h49 BRT, após ser liberada pelo braço robótico Canadarm, da ISS. O processo de reentrada teve início às 11h51 BRT, após 9 minutos de ignição dos foguetes que tiraram a cápsula de órbita.

Após enfrentar a escaldante temperatura da reentrada, as 12h36 BRT os paraquedas da Dragon se abriram sobre o Pacífico. A descida demorou cerca de 8 minutos até que às 12h42 a nave tocou o oceano na altura da Califórnia.

Momento em que a cápsula Dragon é solta no espaço pelo braço robótico Canadarm. [Créditos: Nasa-TV e Apolo11.com]

Após tocar o oceano, navios da marinha amerciana passaram a procurar pela cápsula nas proximidades do local previsto para a queda e às 13h00 BRT as primeiras imagens do artefato já eram transmitidas aos controladores da missão.

Apolo11.com – Todos os direitos reservados

Anúncios

Nave Dragon pronta para primeira missão à Estação Espacial

Olá a todos que assinam o blog por e-mail e todos que me acompanham por aqui. Sei que fiquei muito tempo inativo, mas pretendo voltar a publicar artigos interessantes, sempre que possível. Estou retomando aos poucos, então continuem acompanhando 😉

[ATUALIZAÇÃO 13/06]: Para quem está dizendo “Ah, notícia de 1 mês atrás!”, eu sei, é que essa notícia PRECISAVA constar aqui 🙂 Como estou voltando a atualizar o blog agora, ainda estou colocando as coisas em dia.

Abraços!

**

Sem atraso

Está tudo pronto para o primeiro voo espacial privado para a Estação Espacial Internacional.

A empresa SpaceX vai inaugurar os Serviços de Transportes Orbitais Comerciais (COTS), patrocinados pela NASA.

O programa tem como objetivo criar uma opção norte-americana para voltar ao espaço. Hoje o país é totalmente dependendo da Rússia e de suas naves Soyuz para ir à Estação Espacial.
Continuar lendo